Eleições2020

Reunião define plano de mídia e divisão do horário eleitoral em Ibiporã

Encontro com representantes de partidos políticos e emissoras de rádio e TV acontece na segunda-feira (052/10)

Na próxima segunda-feira (5) o Cartório da 80ª Zona Eleitoral de Ibiporã promoverá na sede do Fórum Eleitoral da cidade, uma reunião com representantes de emissora de rádio, televisão e dos partidos políticos, além da juíza Marina Martins Bardou Zunino, e o promotor de Justiça Thiago Gevaerd Cava, para tratar sobre o plano de mídia, e debater sobre os procedimentos para a propaganda eleitoral e o sorteio para escolha da ordem de veiculação da propaganda de cada candidato no primeiro dia do horário eleitoral gratuito.

A reunião da próxima semana, que será presencial, será dividida em duas partes. A primeira, às 14 horas com representantes de Jataizinho e às 16 horas com representantes de Ibiporã.

A propaganda gratuita veiculada em rede de rádio e televisão será transmitida de segunda a sábado, somente para eleição majoritária, abrangendo o período de 9 de outubro a 12 de novembro, totalizando 35 dias com propaganda em rede neste intervalo. A veiculação da propaganda ocorre nos seguintes horários: no rádio, das 7 horas às 7h10 e das 12 horas às 12h10; na televisão, das 13 horas às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Propaganda eleitoral gratuita mediante inserções

De 9 de outubro a 12 de novembro, as emissoras de rádio e televisão veicularão 70 minutos diários, inclusive aos domingos, reservados para propaganda mediante inserções.

O tempo total diário será calculado na proporção de 60% para prefeito e 40% para vereador, distribuído em três blocos de audiência dentro da grade de programação: 5 horas às 11 horas; 11 horas às 18 horas; e das 18 horas às 24 horas.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios