Notícias

Londrinense fatura R$ 30 mil em sorteio do Nota Paraná

O Programa Nota Paraná, da Secretaria de Estado da Fazenda, entregou nesta quinta-feira (16) os cheques aos premiados deste mês de janeiro. O evento foi na Prefeitura de Arapongas. O prêmio principal, de R$ 50 mil, foi para o agricultor Sander José Agaci, morador de Arapongas, que festejou a novidade dizendo que o dinheiro será usado na compra de uma caminhonete para melhorar o trabalho na propriedade. Agaci, de 40 anos, planta soja com a ajuda da família.

A ganhadora do segundo prêmio, de R$ 30 mil é de Londrina. Jéssica Rayara Pinho tem apenas 21 anos e trabalha num supermercado. Ela pretende quitar o carro que comprou “em dezenas de prestações” e ajudar os pais. Já Maria das Graças Felizardo Gonzaga, do bairro Xaxim de Curitiba, não escondeu a alegria de receber dinheiro (R$ 20 mil) para ajudar a pagar as viagens que tanto gosta de fazer. Aposentada do Tribunal Regional do Trabalho, disse que assim vai poder aproveitar ainda mais as viagens que faz com o marido para conhecer o Brasil.

Milhão
Neste mês, o sorteio ocorreu no dia nove de janeiro com base na extração da Loteria Federal do dia oito. Até agora, todos os meses foram premiados 250 mil bilhetes, no valor de R$ 2,8 milhões. Nos meses de especiais: maio, junho, agosto, outubro e dezembro, foram entregues R$ 3,1 milhões.

A partir de março, os prêmios serão bem maiores e os sorteios passam a ser dois: um apenas para consumidores e outro destinado às entidades assistenciais cadastradas no programa e que recebem notas destinadas por pessoas que preferem não colocar o número do seu documento. No primeiro caso vai somar prêmios de R$ 2,8 milhões por mês: os maiores são de R$ 1 milhão, mais dois de R$ 200 mil. Para as entidades, os prêmios somam R$ 2,2 milhões a cada mês.

Com AEN

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios