Destaque

Ibiporã registra saldo positivo de emprego pelo segundo mês consecutivo

Ibiporã registrou pelo segundo mês consecutivo saldo positivo na geração de empregos, conforme dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ligado ao Ministério da Economia, na sexta-feira (21). Em julho, o município teve um saldo positivo de 58 postos de trabalho. Foram 393 admissões contra 335 desligamentos. Em junho, foram 310 admissões contra 304 desligamentos, resultando em um saldo positivo de seis pessoas empregadas.

Em julho, foi novamente o setor industrial o maior empregador, com 47 postos de trabalho abertos. Em seguida foi o de Serviços, com um saldo positivo de 18 vagas. O setor industrial, aliás, foi o principal empregador nas cinco maiores cidades que compõem a Região Metropolitana de Londrina (RML) – Londrina, Arapongas, Rolândia, Cambé e Ibiporã. Esta atividade econômica também foi a que mais se destacou a nível estadual e federal em julho – 6.502 e 53.590 vagas geradas, respectivamente.

Mesmo em um cenário de grave crise, resultado da pandemia e da redução da atividade econômica para controlar a disseminação do novo coronavírus, Ibiporã registrou um saldo positivo na geração de empregos – 170 – no acumulado de janeiro a julho. Foram 3.051 admissões contra 2.881 desligamentos, segundo o Caged. A atividade econômica que mais se destacou foi a Agropecuária – saldo de 342 vagas de trabalho.

“Em janeiro e fevereiro foram contratados muitos safristas para auxiliar na colheita da soja. Outra situação que impactou positivamente nos números está sendo a contratação, desde o final do ano passado, de centenas de trabalhadores, em diferentes funções, por um frigorífico instalado em Ibiporã que investiu em uma nova planta”, informa a secretária do Trabalho, Maria Romana.

Mesmo diante de um cenário econômico desafiador, a Secretaria do Trabalho credita os números positivos à política municipal de geração de emprego e renda, por meio dos cursos de qualificação profissional ofertados no Centro Tecnológico do Trabalhador de Ibiporã (CTTI), ampliação e abertura de novas empresas, incentivo ao empreendedorismo e à consolidação da política de incentivo industrial.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios