Destaque

Áudio sobre caso confirmado de Coronavírus em Ibiporã é falso

Um áudio está circulando nas redes sociais, afirmando que existe um caso confirmado de Coronavírus (Covid-19), em Ibiporã. Trata-se de mais uma informação falsa e que deixa a comunidade cada vez mais preocupada.

“Olá, bom dia. Tudo bem gente. Viu, confirmou Coronavírus no caso do filho do Carlão do açougue, o Chesco. Cuidado hein. Não saiam de casa desnecessariamente e não fiquem em lugares fechados e passem álcool em gel na mão”, diz o áudio, gravado por uma mulher.

Até o momento, segundo às autoridades em saúde da cidade, apenas um caso suspeito está sendo investigado, porém ainda não há confirmação da doença em Ibiporã. O caso é de um rapaz de 24 anos que retornou recentemente da Europa e está sendo monitorado.

Leia mais: Ibiporã tem primeiro caso suspeito de coronavírus

Alvo de fake news, o rapaz envolvido na polêmica mensagem deixou recado nas redes sociais. “Não saiu resultados de exames ainda, mano. Eu estou ótimo de saúde. Só tive uma dor de garganta semana passada e o médico deu atestado de sete dias e pediu isolamento. Mas eu acredito que não seja nada”, diz trecho do texto.

Fake News – A epidemia do novo coronavírus (2019-nCoV) tem provocado a disseminação de uma série de notícias falsas sobre o tema nas redes sociais. Apesar da preocupação, especialistas garantem que não há motivo para pânico no Brasil.

Para evitar a disseminação de fake news sobre o novo coronavírus, o Ministério da Saúde e o Twitter Brasil se uniram para esclarecer as dúvidas dos brasileiros. Agora, o usuário que buscar informações sobre a doença na rede social receberá uma notificação para acessar o site do ministério. Quem digitar “coronavírus” ou “novo coronavírus” no campo de busca do Twitter verá a seguinte mensagem: “Para garantir que você tenha as melhores informações sobre o novo coronavírus, recursos do Ministério da Saúde estão disponíveis”.

No texto há dois links: o “Saiba mais” redireciona o usuário para a página oficial do Ministério da Saúde sobre o coronavírus; e o “Ministério da Saúde” leva ao perfil do órgão no Twitter.

É possível acessar o serviço de combate a fake news do Ministério da Saúde pelo site http://www.saude.gov.br/fakenews/coronavirus ou pelo Whatsapp (61) 99289-4640. Qualquer cidadão pode enviar gratuitamente mensagens com imagens ou textos que tenha recebido nas redes sociais para confirmar se a informação é verídica, antes de compartilhar o conteúdo.

A Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), em parceria com a AMB, também disponibilizou um documento para esclarecer dúvidas sobre o novo Coronavírus (2019-nCoV). O documento atualizado pode ser acessado no site da AMB.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios