Esportes

Atlético em vantagem sobre o Coritiba na decisão do Paranaense

Furacão joga pelo empate para ser campeão; Coritiba tem que vencer por dois ou mais gols de diferença para levantar a taça

Por conta da pandemia do novo coronavírus, o campeonato foi paralisado por mais de quatro meses. Por conta disso, a definição do campeão, sairá apenas no mês de agosto, algo incomum, se tratando de campeonato estadual. Na primeira partida, o Athletico venceu o Coritiba por 1 a 0, gol do meia Léo Cittadini. A segunda partida da final, está marcada para esta quarta-feira (05), às 20h no Couto Pereira.

O Furacão precisa apenas de um empate para se consagrar campeão, para o Verdão somente a vitória importa. Por um gol de diferença, a definição se dará nas cobranças de pênaltis, por dois ou mais gols, a equipe do Alto da Glória garante o 39º título estadual.

Motivos para acreditar

Das 16 partidas realizadas pelo Campeonato Paranaense, em apenas uma, o Coritiba não balançou as redes, justamente no primeiro jogo da final. A excelente campanha como mandante neste Estadual, é o motivo do Verdão estar na final. O Coritiba está invicto no Couto Pereira em 2020, foram oito partidas, com sete vitórias e apenas um empate. Marcou 20 gols e sofreu apenas cinco.

Na fase de classificação, as equipes se enfrentaram na 11ª rodada. O Coritiba goleou o Athletico por 4 a 0 com gols de Igor Jesus, Sabino, Matheus Sales e Rhodolfo.

Em relação a equipe que começará jogando, a tendência é que o técnico Eduardo Barroca, mantenha a equipe que atuou no jogo de ida. A dúvida é no setor de meio-campo entre Gabriel e Thiago Lopes, O primeiro foi titular no jogo da ida, mas o segundo é figura constante no time e já disputou 16 partidas na temporada.

A provável escalação do Coritiba para o clássico tem Alex Muralha; Patrick Vieira, Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Nathan Silva, Gabriel (Thiago Lopes) e Matheus Galdezani; Rafinha, Igor Jesus e Robson.

Dúvidas

Já o técnico Dorival Júnior tem dúvidas para escalar o Furacão no segundo jogo da final. Na lateral-esquerda, Adriano que cumpriu suspensão, volta ao time no lugar de Abner Vinicius.

Na lateral-direita, sem contar com Erick lesionado, Jonathan e Khellven disputam uma vaga entre os titulares. No ataque, Guilherme Bissoli, com um edema na coxa é dúvida. Os atacantes Pedrinho e Vitinho são opções para começar a partida.

A provável escalação do Athletico para a final tem Santos, Jonathan (Khellven), Thiago Heleno, Lucas Halter e Adriano; Wellignton, Léo Cittadini e Marquinhos Gabriel; Nikão, Carlos Eduardo e Bissoli (Vitinho ou Pedrinho).

FICHA TÉCNICA
CORITIBA x ATHLETICO

Local: Couto Pereira, em Curitiba (PR).
Data: Quarta-feira, 05 de agosto de 2020.
Horário: 20h.
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR).
Assistentes: Bruno Boschilia e Sidmar dos Santos Meurer (PR).

Por Banda B

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios